Mantenha sua Atitude Boa Quando as Coisas estiverem Ruins – Chris Widener

janeiro 25th, 2013 by J Menezes

20130125-075515.jpg

Todos sabem que uma atitude positiva é o segredo para uma vida de sucesso. Mas o que acontece quando as coisas dão errado?
O que acontece quando as circunstâncias nos dão um golpe? Temos uma tendência a deixar nossas atitudes afundarem junto com o estado dos nossos compromissos. A vida nos prega peças, pequenas ou grandes, sempre, mas para termos sucesso, precisamos saber como lidar com elas e manter nossas atitudes intactas! Precisamos de ferramentas práticas para nos ajudar a entender como manter nossa atitude boa, quando as circunstâncias estiverem ruins.

Aqui vão alguns pensamentos para nos ajudar:

Dê um tempo. Tenho certeza de que você está ciente do que acontece. Você está tendo um dia onde tudo está indo bem e de repente um desastre acontece. Todos os seus melhores planos começam a cair. Às vezes as circunstâncias nos surpreendem e nós reagimos. Infelizmente, isso frequentemente combina com problema porque ao reagir, tendemos a usar nossas fraquezas em vez de nossas forças. Tomamos decisões impensadas. Funcionamos com uma atitude ruim que diz “Não acredito que isso esteja acontecendo!”. Na próxima vez em que as circunstâncias se voltarem contra você, dê um tempo para se afastar do problema e pensar. Isso permite a você a lidar com o problema de forma racional, em vez de emocional. Isso permitirá que você ponha seu estado mental no lugar certo. Isso lhe dá a oportunidade de escolher sua atitude enquanto encara as circunstâncias disponíveis. Lembre-se que não precisamos fazer algo já. Vá pegar uma xícara de café (de preferência um Chá Original Herbalife!) e descanse um pouco. Fazendo isso você estará no controle e não as circunstâncias.

Mantenha seus olhos no objetivo. O segundo passo para manter nossa atitude no lugar certo é ter certeza de manter as coisas importantes como importantes. Um dos grandes problemas com dificuldades é que isso tira seu foco de onde deveria estar. Quando passo por circunstâncias difíceis, e as pessoas perguntam como vou indo, eu digo “estou de olho no meu objetivo”. Sempre foi fascinante para mim quando pilotos de corrida estão com problemas, eles mantém seus olhos em frente e não tiram de lá. Existem muitas chances de destruição desse jeito. Mas em vez disso, seus olhos estão no objetivo e isso os mantém fora de problema. Se você se vê caindo sob circunstâncias adversas, sente-se e escreva qual seu objetivo. Reflita sobre como você pode alcançar este objetivo, ou outras formas que possam existir.
Um homem foi questionado como ele estava e ele respondeu “Muito bem, dada às circunstâncias”. O outro homem perguntou “O que você está fazendo a despeito das circunstâncias?”. Boa pergunta. Não devemos estar “dado às circunstâncias”, devemos focar no objetivo e seguir adiante.

Foque na solução, não nos problemas. A roda barulhenta precisa de óleo, diz um antigo ditado. Circunstâncias negativas não ficam de braços cruzados. Elas gritam por nossa atenção. Quando passamos por circunstâncias difíceis, temos a tendência de nos deitar sobre elas. Falamos sobre elas, nos preocupamos com elas e damos muita atenção a isso. Em vez de falar de problemas, fale de soluções. Em vez de gastar seu tempo pensando sobre como as coisas ruins acontecem, pense sobre como as coisas serão boas! Não tenha encontros familiares ou de negócio sobre problemas e sobre como eles são enormes. Tenha compromissos de soluções e como você irá implementá-las. Não se deixe ou permita que outras pessoas de sua equipe reclamem. Incentive-os a resolver, com ênfase nos resultados positivos que surgirão fazendo isso. Então reserve um tempo para colocar as soluções no papel para que você possa monitorar o progresso.

Consiga um pouco de positividade. A mente tende a construir-se, então quando começamos a ir em uma direção, por exemplo, preocupação, isso pode ser uma ladeira escorregadia. Uma coisa que devemos fazer é deixar nossos pensamentos na linha com ideias positivas. Quando as circunstâncias pegarem você contra a parede emocional, vá em busca de um amigo que possa incentivar você. Ouça um áudio de Jim Rohn, Zig Ziglar ou outro palestrante motivacional. Pegue um bom livro e leia. Qualquer que seja a influência externa, você pode colocar sua atitude na linha positiva novamente – Faça isso! Isso deve ser um dos quatro primeiros objetivos a conectar coisas boas em sua mente e alimentar suas atitudes.

Diga a você mesmo o bem. Um dos grandes poderes internos que temos é o poder de controlar nossos pensamentos. Invista um tempo pensando em coisas boas sobre sua vida e trabalho em vez de problemas. Pense em coisas positivas, coisas que gosta e lhe dê uma sensação de alegria e paz. Existe uma antiga canção infantil que diz “Conte suas bênçãos e dê um nome a elas uma a uma”. É um ótimo conselho! Deixe sua atitude positiva desenvolver de dentro assim como de fora. Isso faz toda a diferença!

Lembre que as circunstâncias não são eternas. Às vezes parece que vamos ficar para sempre numa situação ruim, quando na verdade, vai passar. Vão ter tempos no futuro em que as circunstâncias mudarão e você estará numa montanha em vez do vale. Isso lhe dará uma sensação de esperança à medida que vive e trabalha, o que mudará sua atitude, fará você sentir-se melhor e o colocará na autoestrada para o crescimento!

Algumas perguntas para encerrar:
1. Você tem o hábito de refletir antes de responder?
2. Você tem o hábito de manter seus olhos no objetivo?
3. Você foca em soluções ou problemas?
4. Você se deixa influenciar positivamente?
5. Você tem o hábito de dizer a você mesmo o bem?
6. Você lembra a si mesmo que nada é para sempre?

Comentários

Comentar

;
;