Qual a Dieta Ideal Para Mim?

novembro 5th, 2012 by J Menezes

A melhor dieta é aquela que funciona melhor para seu estilo de vida, seu orçamento, suas preferências alimentares e o quanto de esforço você está disposto a fazer

Um dos aspectos mais interessantes de meu trabalho é que sempre que conheço um novo cliente de perda de peso, eu nunca sei onde a conversa vai dar. Normalmente, eu começo pegando o histórico, eu quero saber qual o maior e o menor peso que já tiveram, o que o motiva a comer melhor e entrar em forma e o que já funcionou no passado para ele e o que não funcionou. Dai, eu posso começar a ter uma ideia de quanto esforço o cliente está disposto a fazer e quais suas expectativas. E então eu venho com um plano. Mas eu não posso simplesmente dizer o que eles precisam fazer. Eu tenho de ajuda-los a descobrir como eles vão fazer também. E nós podemos trabalhar juntos para descobrir o que vai funcionar melhor para eles.

Existe um “tamanho único?”

No que diz respeito a dieta, não existe “tamanho único.” Todos nós somos diferentes e precisamos levar isso em consideração, não somente as preferências alimentares, mas sua rotina diária, se gostam de cozinhar, se o preço do alimento é uma questão importante, quando se exercitam, se comem fora (e onde). Existe todo um conjunto de fatores que tem que ser considerados quando você dá um conselho que valha a pena para um cliente.

Você deve fazer muito de uma vez?

E eu tenho que considerar o que meu cliente deseja, ou acha que deseja. Algumas pessoas preferem uma abordagem estrita, normalmente decidindo fazer muito de uma só vez. Eu tenho vários clientes que decidiram simultaneamente perder peso, começar a se exercitar e parar de fumar. É muita coisa junta, mas pode funcionar. Talvez seja a ideia de formatar tudo e começar do zero, algo do tipo “hoje é o primeiro dia do resto da minha vida.” E algumas vezes, quando você está trabalhando em uma coisa, ela pode reforçar outras mudanças que você está tentando fazer, como: “se eu vou me exercitar, não faz sentindo continuar fumando.” Mas quando fazer muitas coisas ao mesmo tempo não funciona, normalmente é porque o processo se torna grande demais, são muitas mudanças envolvidas e muitos ajustes a serem feitos. Dessa forma, algumas pessoas tendem a simplesmente desistir e nada acontece.

Ou você gosta de fazer as coisas mais devagar?

Por outro lado, existem aqueles que preferem uma abordagem mais cautelosa. Eles gostam de colocar primeiro os dedos na água para ver se está fria. Eles podem fazer algumas mudanças para estabelecer a direção correta, adaptar-se completamente a vida diária e então se mover para mais algumas. Vagarosamente, com o tempo, eles acumulam uma lista impressionante de mudanças na dieta e estilo de vida. E como eles se deram a chance de deixar elas se estabelecerem, eles podem continuar sem muito esforço.

Descobrir o que funciona para você vai ajuda-lo(a) a construir um plano de dieta e estilo de vida saudáveis

O ponto é o seguinte, existem muitos caminhos que levam ao mesmo destino. Alguns são curtos e diretos, outros podem ter mais curvas. Nenhum é melhor do que o outro necessariamente. Da mesma forma que faço com meus clientes, você precisa pensar realisticamente sobre o que realmente consegue fazer. Se você odeia cozinhar ou não tem tempo, faz sentido adotar uma dieta que precise cozinhar em casa todas as refeições? Se você não consegue lembrar da última vez que comeu uma fruta ou vegetal, é realista pensar que de repente você vai começar a comer sete porções por dia? Talvez não.

Mas lembre-se disso. A forma que você escolher comer, a quantidade de atividade que tiver, o estilo de vida que escolher ter são seus, você é dono deles. E você precisa aceitar que os resultados serão um reflexo de quanto esforço você está colocando. Quanto mais duro você trabalhar, melhores os resultados. Mas isso não significa que devagar e sempre não possa ganhar a corrida também. Porque a melhor dieta não é a que alguém te indica, a melhor dieta é que funciona para você.

Comentários

Comentar

;
;