Falso Magro: É Possível Ser Magro e Gordo ao Mesmo Tempo?

julho 27th, 2012 by J Menezes

Você pode parecer magro por fora, mas ainda ser gordo. Isso chama-se falso magro.

“Falso magro” pode parecer um conflito de termos como calor frio, mas eu vejo clientes falsos magros o tempo todo. São pessoas que parecem estar com o peso correto, mas têm muita gordura no corpo. E, mesmo que seja difícil de acreditar, algumas dessas pessoas são tecnicamente obesas. Obesidade simplesmente significa que alguém tem muita gordura corporal, independente do peso. Então, se o peso de uma pessoa está na faixa normal, ela ainda pode ser obesa. Ou, em outras palavras, peso normal + alta taxa de gordura = falso magro.

O fato é que o peso corporal não está necessariamente de mãos dadas com a gordura corporal. Não devemos assumir que uma pessoa grande está carregando excesso de gordura, assim como não podemos assumir que uma pessoa magra não está.

A única forma de descobrir isso é analisando a composição corporal da pessoa. Isso significa determinar quanto de gordura e massa magra ela tem. Uma vez que isso seja feito, o percentual de gordura pode ser comparado com as médias esperadas que são cerca de 15 a 20% para homens jovens e 22 a 25% para mulheres jovens (essa média sobe na medida em que as pessoas envelhecem).

Recentemente, eu medi uma jovem cliente minha (pesando 56kg que pareciam apropriados para seus 1,60m) e verifiquei que ela tem incríveis 39% de gordura corporal. Falsa magra? Pode apostar!

Por que isso é importante? Se uma pessoa parece bem, qual a diferença que pode haver se ela tem muita gordura? A resposta é simples: ter muita gordura não é uma questão visual, mas de saúde. Pessoas que tendem a ser magras por fora, mas gordas por dentro são como sacos de batatas. Como não se exercitam, elas se valem apenas da restrição calórica para manterem os peso baixo. O ideal seria uma alimentação adequada e estilo de vida saudável e ativo. O excesso de gordura no corpo, principalmente ao redor da cintura, pode significar muitos problemas.

A boa notícia é que quando explico isso para meus clientes, eles entendem. Com essa cliente, eu expliquei que sua taxa metabólica basal, calorias necessárias diariamente para manter as funções básicas, era determinada pela sua quantidade de massa magra. Como cada 1kg de massa magra consome cerca de 30 Calorias/Dia, eu determinei que sua taxa metabólica basal era de 1000 Calorias por dia. E como ela não se exercita muito, ela não queima muito mais do que isso em um dia. Eu pude praticamente ver a luz acendendo sobre a cabeça dela: “Então é por isso que tenho que comer tão pouco para manter o peso baixo!”

Uma das melhores coisas uma pessoa falsa magra pode fazer é se tornar mais ativa, em particular com treinamento de força (musculação ou exercícios de resistência). Ingestão adequada de proteína é importante também para ajudar na construção muscular. Isso irá mudar a composição em favor de mais massa magra e menos massa gorda. Isso por sua vez irá aumentar a taxa metabólica basal. E, talvez, transformar a pessoa de falsa magra para magra de verdade.

Comentários

Comentar

;
;