Seis Armadilhas para sua Dieta nos Restaurantes

outubro 4th, 2011 by J Menezes

Eu já tive pacientes que disseram que quando estão tentando vigiar o que estão comendo, eles simplesmente param de comer em restaurantes. Entre as opções tentadoras presentes no menu, as grandes porções e não saber a quantidade de calorias ingeridas, eles acham melhor ficar em casa.

Eu entendo o que estão dizendo, mas como sair para comer é um prazer que não pretendo desistir, eu acho que aprender como lidar com um menu e descobrir como comer com responsabilidade são habilidades que valem a pena serem adquiridas.

Se você come fora somente algumas vezes por ano eu diria para você, saia de casa e vá comer e se divertir. Mas, nós, em média, comemos fora de casa cerca de 1/3 de nossas refeições. Então vale a pena prestar atenção a algumas armadilhas comuns em restaurantes:

– Não se desvie muito de seu padrão normal de refeição. Você deve ter um plano geral para suas refeições e deve se manter nele. Se você normalmente come uma combinação de proteína, vegetais e salada para almoço, procure algo imolar no menu e não deixe o seus olhos desviarem para os sanduíches ou massas.

– Cuidado com os alimentos que parecem mais saudáveis do que são realmente. Sanduíches podem ser saudáveis se forem feitos com carnes magras, salada e pão integral. Mas as calorias podem ser adicionadas rapidamente se você acrescentar queijo ou maionese ou se o sanduíche for grande demais. Cuidado com as saladas também. Uma salada chinesa com frango pode ter 1000 calorias graças aos croutons e ao molho.

– Cuidado com os “especiais do dia”. Seu garçom deve vir com uma descrição na ponta da língua de um prato especial do dia, cuidado! Muitas vezes, esses pratos não podem ser modificados, ou seja, você não será capaz de retirar o molho ou grelhar o peixe ao invés de fritá-lo. Se o prato especial for equilibrado, então está certo. Tente decidir antes por um dos pratos regulares do menu, assim, você tem sempre um para substituir.

– Não caia na armadilha do tamanho “gigante”. Você realmente tem que se manter firme quando te oferecem mais comida do que você quer, mesmo que pareça um bom negócio. Quando o atendente disser: “com mais um real você pode transformar sua batata media em grande”, pense, “por mais um real eu ganho mais 600 calorias e 40g extra de gordura.”

– Leia cuidadosamente o conteúdo calórico dos pratos. Um estudo recente mostrou que as calorias que você come na realidade podem superar em 20% o que esta dito no menu. Alem disso, a tabela de clã rias normalmente mostra itens separados para a refeição completa que é servida. Portanto, enquanto você está observando as calorias da entrada, não esqueça de adicionar as calorias dos pratos e acompanhamentos.

– Finalmente, como foi dito antes, mas vale repetir, porções de restaurante podem ser enormes. Divida a entrada com seu companheiro, peça uma porção extra de salada ou faça o garçom embalar o que sobrar para que você leve para casa. No que diz respeito a supersizing, os restaurantes podem acrescentar, mas você não pode.

Por Susan Bowerman

Comentários

Comentar

;
;